Eu sei que brigamos, discutimos, brigamos de novo, de novo, e de novo, e depois a gente sente falta, volta, se olha, se beija, se ama, se encaixa e se faz feliz. E não há escape. É você que eu amo, é pra você que eu volto e é de você que eu sou. Para sempre. Vou me esforçar mais para te fazer o mais feliz do mundo, para te fazer se apaixonar por mim outra vez, vou te perguntar todos os dias quando estiver acordando ao seu lado “O que preciso fazer para te apaixonar hoje? ”.
― Karina Alves (via im-previ-sivel)
<